Um canteiro de obras envolve diversas áreas, equipes e operários. Como se isso já não fosse o suficiente, também possui muitas especificações e processos que fazem parte de sua rotina diária, mas que são essenciais para o bom andamento da obra e um resultado final satisfatório. Dessa forma, com tantas pessoas envolvidas e com tanta informação passando a todo tempo do escritório para o canteiro de obras, não é raro que haja problemas de comunicação e, assim, algumas mensagens acabam se perdendo ou se alterando.

Entenda melhor alguns problemas que costumam ocorrer por falta de uma boa política de informação, além de soluções e a importância de uma comunicação interna eficiente no canteiro de obras.

Falhas com a diretoria

Dentro de uma obra, diversas informações que vêm da diretoria não são devidamente transmitidas para os demais operários. Seja intencionalmente ou não, grande parte dessas informações geram impactos diretos na vida dos funcionários. Dessa forma, quando elas não são adequadamente divulgadas, podem acabar gerando diversos transtornos.

O tempo de reverter situações críticas, consequentes de boatos e mal-entendidos criados dentro de uma obra, pode comprometer e muito a produtividade, gerando diversos conflitos.

Problemas na circulação de informações

Composto por diversos passos de troca de informações em um canteiro de obras, essa prática será a responsável em fazer circular a informação, não só de forma vertical (dos coordenadores para os operários), mas também horizontal (entre os próprios colaboradores do mesmo nível hierárquico).

Está gostando deste artigo?

Assine nossa newsletter e receba conteúdos como esse direto no seu e-mail

Existem diversas ferramentas que auxiliam no êxito da circulação de notícias dentro de uma obra. Publicações impressas (boletins, revistas e jornais), murais, intranet e newsletters são alguns destes exemplos, que podem ser facilmente implementados. Juntamente com um bom planejamento, estes serão instrumentos estratégicos para aumentar a confiança entre os funcionários.

eBook: Comunicação Móvel em Projetos

Falta de capacitação

Uma outra coisa muito importante que deve ser considerada é a comunicação interna com a função de capacitar os trabalhadores. A comunicação interna deixa seu papel periférico e se torna uma ferramenta imprescindível quando o assunto é a relação de produtividade.

O operário acabará perdendo muito tempo útil de trabalho por não ter uma determinada informação ou, então, fazendo algo errado por não saber o que era para ser feito — gerando assim diversos atrasos na entrega da obra. Portanto, a boa comunicação está sempre diretamente ligada à melhor produtividade e ao ganho de tempo nas tarefas.

Devido a diversas vezes ignorarem as causas dos “ecos da comunicação”, advindos da falta de uma adequada informação, muitas empresas acabam não só perdendo tempo, mas também muito dinheiro, precisando investir em palestras, treinamentos e reuniões intermináveis a fim de amenizarem as consequências desses conflitos.

Se você não deseja que erros triviais como esses ocorram em seu canteiro de obras, invista no compartilhamento adequado de informações. Com uma comunicação interna forte, a informação circulará como deve entre o escritório e a obra, garantindo um trabalho eficiente e sem confusões ou conflitos.

Você já viveu alguma das situações que presenciamos? Tem outras dúvidas ou dicas sobre o assunto? Deixe seu comentário e troque experiências com nossos leitores!