A sustentabilidade está deixando de se ser um princípio abstrato e passa a fazer parte da rotina das construtoras. Os cuidados começam ainda no canteiro de obras: as obras sustentáveis pedem um conjunto de práticas no posicionamento das empresas ao “definir posturas, permear relações e orientar escolhas”, segundo o Guia de Comunicação e Sustentabilidade.

É um desafio e tanto, mas que pode ser vencido com a ajuda da tecnologia. Alguns aplicativos para Construção Civil disponíveis a custos baixos contribuem para gerar obras sustentáveis com medidas simples, mas de impacto significativo, além de trazerem outros benefícios, como mobilidade e segurança.

É o caso do Construct App: um software que utiliza a tecnologia móvel para melhorar a comunicação entre empresas e profissionais envolvidos num mesmo projeto.

Pelo Construct, é possível trocar mensagens e imagens, criar galerias de fotos e acompanhar as obras pelo celular ou computador, além de gerar relatórios em segundos e compartilhar com a equipe os dados mais atuais do projeto. A construtora Tecnisa — que já utiliza o app há 8 meses — consegue resolver problemas em tempo real e conseguiu eliminar 5 horas semanais de uma reunião que envolvia todos os engenheiros da empresa. Ou seja: mais produtividade e menos tempo para a resolução de tarefas.

Aprimorando a sustentabilidade

Está gostando deste artigo?

Assine nossa newsletter e receba conteúdos como esse direto no seu e-mail

Em primeiro lugar, reduz-se o volume de papel e tinta empregados na impressão de comunicados e imagens. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, o desperdício anual com papel no Brasil chega a 200 milhões de folhas, o que equivale a quase 20 mil árvores. Toda a informação circula pelo meio digital, instantaneamente. É um jeito produtivo de alcançar o que, em inglês, é chamado de “paperless office“, ou “escritório sem papel”.

Sem trânsito, sem poluentes

Sem trânsito, sem poluentes

A possibilidade de se comunicar pelo aplicativo ainda reduz o número de reuniões e encontros presenciais, que ficam reservados para situações de extrema necessidade. Nada de deslocamentos desnecessários entre escritório e obras — assim, diminui-se o uso de veículos e, consequentemente, a emissão de gases poluentes e a poluição sonora. Além de não perder tempo no trânsito, é claro.

Leia também: As 6 obras mais sustentáveis do Brasil

Comunicação

A utilização da tecnologia auxilia ainda a chamada “sustentabilidade da comunicação”, incorporando os princípios sustentáveis na comunicação interna. Com o uso de aplicativos, é possível sensibilizar, mobilizar e engajar os funcionários a todo momento. Assim, pode-se criar um sistema de vigilância contínua sobre a manutenção dos cuidados básicos que garantem as obras sustentáveis.

Motivação

Imagine a seguinte cena: um funcionário percebe que, num determinado ponto da obra, há desperdício de materiais que poderia ser eliminado. Com uma foto, ele pode reportar o fato aos superiores, que rapidamente se comunicam com o setor responsável para sanar o problema.

“A sustentabilidade deve ser motivo de preocupação por parte de cada funcionário”, explica Travis Higgins, diretor de operações da Construct. Além disso, a adoção do princípio pede alinhamento à ideia, que só pode ser construída com o seu reforço contínuo por meio da comunicação.

Outros aplicativos para Construção Civil também ajudam na tarefa — como o Sienge, que auxilia na gestão integrada para realizar tarefas como acompanhamento de obras, controle de orçamentos e processo de compras. Trata-se de uma boa alternativa para reduzir o desperdício e abaixar custos.

Já o Construon permite um gerenciamento mais eficaz de finanças, com controle total sobre os insumos. Fica mais fácil, dessa maneira, evitar gastos desnecessários de materiais — um quesito fundamental para as obras sustentáveis.

Veja também: 6 aplicativos para a Construção Civil que você precisa conhecer