Casa Lego, demanda de aço na construção civil, timelapse da construção do Museu Abu Dhabi e mais: confira as principais notícias da semana e fique por dentro das novidades na construção civil:

Lego inaugura casa que imita blocos gigantes na Dinamarca

lego house

A Lego, fabricante dos bloquinhos coloridos que fizeram parte da infância das crianças desde 1932, acaba de inaugurar a Casa Lego, na Dinamarca. O edifício com 12 mil metros quadrados abriga três restaurantes, uma loja de produtos Lego e quatro áreas para brincadeiras com 25 milhões de peças disponíveis, além de uma galeria com a história dos brinquedos.

Localizada na cidade de Billund, a Casa Lego se parece com os próprios brinquedos da marca, com 21 peças gigantes montadas umas sobre as outras.

Demanda de aço pela construção civil segue baixa, diz Gerdau

Segundo o presidente da Gerdau, André Gerdau Johannpeter, a demanda de aço pela construção civil brasileira continua baixa. Segundo ele, essa é uma das razões para que o setor esteja negociando junto ao governo o aumento da alíquota do Reintegra (Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras), programa de incentivo à exportação de produtos manufaturados. As exportações têm ajudado a compensar o volume reduzido de vendas no mercado interno.

Está gostando deste artigo?

Assine nossa newsletter e receba conteúdos como esse direto no seu e-mail

No consolidado até o momento, as vendas internas da Gerdau somam 2,473 milhões de toneladas, aumento de 11,7% em relação ao mesmo período do ano passado.

Obras públicas ajudam a manter empregos na construção civil no Amazonas

O estado do Amazonas registrou saldo de empregos positivo na construção civil em outubro. De acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), no mês passado o setor registrou 744 contratações e demitiu 741 trabalhadores.

Embora o saldo de empregos, tenha sido baixo, o presidente do Sinduscon-AM, Frank Souza, afirma que a geração de novos postos de trabalho no setor está estável. “Há um equilíbrio entre as conclusões de obras e o início de novos empreendimentos, tanto na esfera privada como na área de infraestrutura, que envolve obras públicas. Esses empreendimentos têm garantido a oferta de empregos”, disse.

Holanda reaproveita papel higiênico para fazer asfalto

novidades na construção civil

Duas empresas holandesas desenvolveram uma tecnologia para transformar resíduos de papel higiênico em material de construção rodoviária. O material está sendo testado na província de Frísia, em um trecho de 1 km de uma ciclovia.

O papel higiênico passa por um processo de filtragem, limpeza e esterilização em temperaturas bastante altas. O resultado é um material esponjoso, que pode ser usado na processo de composição do asfalto. Grande parte do papel higiênico na Holanda é rico em celulose, o que significa melhora resultado final no produto.

A empresa afirma estar recuperando cerca de 400 kg de celulose por dia com o projeto.

Timelapse registra a construção do Louvre Abu Dhabi ao longo de oito anos

Depois de 8 anos de obras, o museu Louvre Abu Dhabi foi finalmente inaugurado na Ilha de Saadiyat, nos Emirados Árabes Unidos. O projeto de autoria dos arquitetos do Ateliers Jean Nouvel é fruto de uma colaboração com a França, e conta com 23 galerias, exposições permanentes, auditórios e espaço destinado à pesquisa.

O museu foi construído sobre uma ilha artificial separada do mar durante as obras por uma barreira hidráulica. A área total do espaço é de 24.000 m² (sendo 8.000 m² de espaços internos) e o custo da construção – que deveria ter sido concluída em 2013 – está estimado entre 83 e 108 milhões de euros. Confira o time lapse das obras no vídeo abaixo:

 

Leia também: Lajes nervuradas: nova tecnologia promete reduzir custos na obra