Crescimento do setor, mulheres na engenharia civil, energia solar e mais: confira as principais notícias da semana e fique por dentro das novidades na construção civil:

Lucro da Odebrecht Engenharia cai 97% em comparação com 2016

No primeiro semestre de 2017, a Odebrecht Engenharia e Construção registrou lucro líquido de 55,3 milhões de reais – valor 97% menor do que o mesmo período de 2016, quando o saldo positivo foi de 1,8 bilhões.

A empresa encerrou o mês de junho com uma carteira de 13 contratos no valor de 15 bilhões de dólares, contra 16,7 bilhões no fim do ano passado. A Odebrecht Engenharia e Construção faz parte do Grupo Odebrecht, que registrou receita bruta de 1,94 bilhões de dólares no período analisado (32% inferior a 2016).

Leia também: Crise na construção civil: entenda o que Operação Lava Jato tem a ver com isso

 

Está gostando deste artigo?

Assine nossa newsletter e receba conteúdos como esse direto no seu e-mail

Custo da energia solar cai mais de 30% em um ano nos EUA

Os laboratórios de energia renovável do Departamento de Energia dos Estados Unidos indicam uma queda de 30% no custo da energia solar somente em 2016. Atualmente, o preço médio por watt é de US$ 1,03 para sistemas de inclinação fixa e US$1,11 para os que se movem de acordo com o movimento do sol.

Como resultado deste crescimento, muitas empresas fornecedoras de energia elétrica estão investindo fundos para aumentar o fornecimento da energia solar em seu rol de serviços. Se a tendência continuar, a estimativa é de que 139 países – incluindo os EUA e a China – irão migrar para 100% da utilização de energias renováveis até 2050.

 

Setor imobiliário impulsiona a construção civil em Portugal

O primeiro semestre de 2017 bateu um recorde de vendas de imóveis dos últimos 9 anos em Portugal. De acordo com a Federação Portuguesa da Indústria da Construção e Obras Públicas, foram vendidos Portugal, 72 mil imóveis residenciais neste período, avaliados no total em 8,9 milhões de euros – um crescimento de 18% em relação à mesma época de 2016.

A principal responsável por este enorme crescimento foi a venda de imóveis já existentes, que aumentou 21% nos primeiros seis meses do ano no país europeu. Em contrapartida, a venda de unidades novas ou recém-construídas registrou um aumento de apenas 4%.

 

Pesquisa da CNI indica que otimismo do setor da construção civil aumentou

Apesar da lenta recuperação da construção civil em meio à crise econômica, os empresários do setor se mostram cada vez mais otimistas. Uma pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostrou que, pela primeira vez em três anos, todos os índices de expectativas superaram os 50 pontos, consolidando, de acordo com a entidade, o cenário positivo do setor.

Ainda segundo a pesquisa, o nível de atividade da indústria da construção registrou 46,7 pontos em agosto – o maior valor para o mês de agosto desde 2014. Foram ouvidos representantes de 590 empresas, sendo 187 pequenas, 275 médias e 128 grandes.

 

Porcentagem de mulheres nas faculdades de engenharia civil cresce mais que nº de engenheiras no mercado

Os últimos números divulgados pelo Censo da Educação Superior mostram que o número de mulheres matriculadas em cursos de Engenharia Civil é crescente desde o ano de 2007. No entanto, o mercado ainda parece não acompanhar essa tendência: em 2015, as mulheres respondiam por 30,3% dos estudantes do curso, mas apenas por 26,9% dos profissionais do setor no mercado.

 

Leia também: Teste: Descubra se você está alocando seus recursos da maneira certa